Postagens

Mostrando postagens de Maio 26, 2017

Os sete capítulos esquecidos de Cem anos de solidão

Imagem
Por Álvaro Santana-Acuña


Meses antes de terminar de escrever Cem anos de solidão, Gabriel García Márquez carregava sérias dúvidas sobre a qualidade de um romance que acabaria por se tornar um clássico da literatura. “Quando li o que havia escrito”, confessou por carta a um amigo, “tive a desmoralizante impressão de estar metido numa aventura que poderia ser de uma catastrófica sorte”. Algo pouco conhecido é que García Márquez publicou sete capítulos do romance no intuito de resolver essas dúvidas. E faz ainda quando não havia acabado de escrever a obra (a concluiu em agosto de 1966) nem havia assinado contrato com a Editorial Sudamericana, feito realizado no dia 10 de setembro do mesmo ano. O livro foi publicado no dia 30 de maio de 1967.
Os sete capítulos foram publicados em jornais e revistas que circulavam em mais de 20 países. Representavam mais de um terço do romance, que ao todo tem 20 capítulos. Não há sequer cópias desses textos no arquivo pessoal do escritor agora pertencente a…