Postagens

Mostrando postagens de Novembro 21, 2013

"Pena mínima", o primeiro livro potiguar dedicado (completamente) ao haikai

Imagem
Haikais e poemas curtos constituem essa Pena Mínima do poeta Lívio Oliveira, que parece-nos não querer findar-se, uma vez que, deixa a sensação de que o autor ainda tenha algo mais a declarar. Se finda rápido como um cometa, antecedido em página em branco, como a esperar que a pena lhe venha preencher; cruza sertão e beco e deságua no alto mar, e inicia-se como consequência de uma busca, de um duelo, do desejo humano mais íntimo e ao mesmo tempo paradoxal, posto que, ao mesmo tempo é simples e complexo como a relação do corpo e do espírito, da razão e da desrazão, numa paisagem na qual se descortina a teleologia, que de repente apresenta-se como renovação, recomeço, apontando em direção a um epílogo, que não aparece como fim pelo fim em si, mas chega com segurança e sem temor, como se continuasse a nos transportar a cumprir a pena mínima cotidiana com a liberdade de voar pela literatura norte-rio-grandense. 
Pena Mínima é o primeiro livro da poesia potiguar totalmente dedicado ao haik…