Postagens

Mostrando postagens de Setembro 12, 2011

Miacontear - Enterro televisivo

Imagem
Por Pedro Fernandes

Oh! Cride, fala prá mãe, que tudo que a antena captar, meu coração captura
Titãs

O tom dessa narrativa retoma àquelas histórias inusitadas que se passam muitas delas com algum vizinho de nossa rua. Aliás, a grande maioria dos contos desse O fio das missangas, apesar de serem histórias cujo cenário é Moçambique, os dramas incorporados pelas personagens de tais histórias são muito próximos dos dramas vividos em qualquer outro lugar mundo. Em Enterro televisivo estamos no sepultamento do marido de Estrelua, que do nada grita pedindo um televisor. O que tinha em casa havia combinado com o coveiro e posto junto com o defunto no caixão. "Era um requisito de quem ficava, selando a vontade de quem estava indo." Depois de o padre sossegar o alvoroço que se forma por causa desse pedido da velha novamente ela se "espreita" e começar a perguntar pela presença de desconhecidos - Bibito, Carmenzita - todos personagens de novelas. "Esses que os demais teim…