Postagens

Mostrando postagens de Junho 4, 2009

16 títulos indispensáveis: a literatura e as memórias de uma guerra

Imagem
A Segunda Guerra Mundial foi um dos marcos assustadores de até onde podem ir os limites da maldade do ser humano. Quase todos os países do globo envolveram-se de uma forma ou de outra no conflito. Foram cerca de 60 milhões entre soldados e civis mortos nos confrontos e 6 milhões de judeus exterminados no pior genocídio da humanidade. Um conflito tão vasto, tem também um campo vasto de bibliografia sobre. Letras in.verso e re.verso toma por base os textos do Dossiê Memórias da guerra, produzido pela antiga Revista Entrelivros e destaca as obras literárias mais importantes que tratam do maior conflito do século XX.
Ficção
1 – As benevolentes, de Jonathan Littell. O livro cujo título faz alusões às Erínias (ou Fúrias, as figuras mitológicas encarregadas de atormentar os criminosos e as chamadas por Ésquilo de “benevolentes” na Orestéia) dá voz a um nazista convicto e cínico, Max Aue, que ao longo de 900 páginas, sem remorsos, registra os crimes e perversões das quais participou.

2 – Nas …